Paciência: RBR não pensa em vencer os próximos GP’s

Horner está certo de que Red Bull estará ainda mais motivada em 2015

Por conta de motor Renault sem energia, Christina Horner prevê dificuldades nas próximas corridas.

 

A RBR teme não poder figurar no posto mais alto do pódio no próximos provas. A previsão é de que a vitória só deva acontecer em Cingapura. O motivo é simples: propulsor da Renault com falta de energia  nos próximos dois grande prix – na Bélgica e depois na Itália, respectivamente. Para o chefe de equipe, Christian Horner, o moto limitado deve deixar a escuria austríaca em uma ligeira desvantagem. Consequentemente, ele admite o baixo rendimento em curto prazo.

Horner defende mais liberdade para os pilotos na temporada de 2014 da F1

Horner acredita em Vettel mais consistente na segunda parte da temporada.

“O motor pode ser melhorado em Spa (Bélgica) e Monza (Itália), mas Singapura tem de ser a próxima oportunidade de ouro para nós, na realidade”, explicou.

Ainda de acordo com Horner, a missão do time da fabricante de energéticos fica ainda mais espinhosa por conta do bom trabalho feito pelos rivais. “Teremos dificuldades porque a Force India pode reaparecer mais forte, a Williams será rápido, McLaren será rápido também e, obviamente, a Mercedes vai ser rápida como sempre”, comentou.

Sobre o retrospecto negativo de Sebastian Vettel, considerado o piloto titular da equipe, Horner acredita em uma redenção. “Ele merece uma pausa merecida, para ter um pouco mais de tempo fora das pistas. Ele voltará mais forte”, revelou. Apesar da atenções voltadas para o alemão, quem vem se destacando na atual temporada é o australiano Daniel Ricciardo. Dono de duas vitórias oportunistas, Ricciardo trabalha por fora para chegar longe no mundial de F1.