A briga da Ferrari é pelo segundo lugar nos Construtores

Domenicali elogiou desempenho de Alonso e Massa no último GP

Para Stefano Domenicali, os resultados em Abu Dhabi minimizaram os pontos perdidos na briga com a Mercedes.

 

Como o sonho de conquistar o título da temporada 2013 chegou ao fim de forma prematura, restou para o time da Ferrari, o Mundial de Construtores. Não a briga pela primeira posição, e sim, a luta pelo segundo lugar. Posição que a cada ano se torna a realidade da esquadra italiana. Só quem em 2013, as coisas não estão fáceis.

Domenicali elogiou desempenho de Alonso e Massa  no último GP

Domenicali elogiou desempenho de Alonso e Massa no último GP

Com o resultado da última etapa, em Abu Dhabi, onde os carros vermelhos cruzaram a linha de chegada na – quinta posição com Alonso e oitavo lugar com Massa – o time de Maranello viu a Mercedes ultrapassar na tabela dos Construtores. Na classificação atualizada, a equipe alemã, agora, ocupa a segunda posição com 334 pontos. A Ferrari aparece em terceiro com 323.

“Considerando nossas posições iniciais, o resultado desta corrida foi positivo. Deixamos Abu Dhabi ciente de que minimizamos os problemas. Sabíamos que tínhamos um fim de semana difícil pela frente, e pagamos o preço por nossos resultados na classificação”, comentou.

Mesmo diante desse cenário negativo, o chefe a esquadra – Stefano Domenicali – saiu de Yas Marina satisfeito com o resultado. “Apesar disso, estou satisfeito com as atuações de Felipe e Fernando, porque ambos conseguiram dar tudo de si em uma pista que era difícil para nós”, disse.

Por fim, Stefano avaliou que a situação poderia ter sido pior. “Dada à situação, poderíamos ter ficado mais longe da Mercedes no Mundial de Construtores, mas ainda conseguimos abrir um pouco para a Lotus e minimizar os pontos perdidos na batalha pelo segundo lugar”, pontuou.