Após acidente de Kubica, Kovalainen descarta Rali no momento

Heikki Kovalainen, da Team Lotus, disse que não vai participar de provas de Rali por esses dias. O motivo da decisão é o acidente sofrido por Robert Kubica no início deste ano, no Rali Ronde di Andora, na Itália

O grave acidente de Robert Kubica no início do ano durante uma prova de Rali foi como um freio na empolgação de Heikki Kovalainen com a categoria. O atleta da Fórmula 1 afirmou que o revés do colega diminuiu sua animação com as corridas radicais do esporte. O piloto da Team Lotus disse que não vao procurar participar de ralis. Pelo menos por ora.

Kovalainen pretende ficar longe das provas de Rali por enquanto

Após deixar a McLaren, Kovalainen firmou um contrato com a Lotus e incluiu a cláusula que permite sua participação em provas de Rali. Assim como fez Kubica depois de ingressar na Renault. O finlandês já deixou claro que é amante do Rali, embora também afirmasse que não deixaria a F1 por conta do esporte. Porém planejou participar das provas de ralis uma vez ou outra.

Em entrevista ao jornal alemão Motorline, Kovalainen,falou que ficou um pouco desanimado com o acidente do polonês e pretende ficar longe do Rali por enquanto. “Eu gosto de assistir ralis na TV, mas agora eu definitivamente não tenho tempo para seguir ativamente nisso. Todos nós vimos o que aconteceu com Robert, e por essa razão, o rali não está nos meus planos no momento”, declarou o piloto da Lotus.

Robert Kubica sofreu um grave acidente em fevereiro desse ano, quando participava do Rali Ronde di Andora, na Itália. O carro do piloto sofreu um forte dano, o que gerou num ferimento gravíssimo na sua mão direita, membro que está em recuperação até hoje. Apesra de estar um bom tempo longe das pistas, o chefe da Renault, Eric Boullier, garante que a vaga do polonês está guardada. Enquanto isso, quem ocupa o cockipit na escuderia é o alemão Nick Heidfeld.