Frank Williams recebe alta e continua tratamento de pneumonia em casa

Segundo CEO

O fundador do time de Grove foi internado após ter sido diagnosticado com infecção nos pulmões após o último GP da Itália.

 

A quinta-feira (3) chegou com algumas notícias boas para a Fórmula 1. Durante a apresentação dos novos condutores da escuderia de Grove, o CEO do time britânico, Mike O’Driscoll, confirmou que Frank Williams recebeu alta do hospital. E já se encontra em casa para continuar o tratamento contra a pneumonia. O fundador da tradicional equipe inglesa de F1 foi diagnosticado pela efemeridade na semana após o último GP da Itália. Desde então precisou ficar ausente no paddock da principal categoria do automobilismo mundial. Sua filha, Claire Williams exerceu as funções no período em que Frank ficou afastado do esporte.

“Frank está de volta para casa agora”, confirmou O’Driscoll para a revista britânica ‘Autosport’. “E em breve, ele também vai estar na nossa fábrica”, continuou.

Segundo CEO

Segundo CEO, Frank Williams já se encontra em casa se recuperando da pneumonia

“Ele contraiu pneumonia após o GP de Monza. E desde então continuou no hospital desde então. Tem sido uma recuperação lenta. Mas eu estou feliz, pois amamos ver que o velho Frank pode estar de volta em breve”, destacou. “É lindo tê-lo de volta na equipe”.