Giovinazzi quer esquecer desempenho na China e torce por mais uma chance na Sauber

Giovinazzi sofreu um acidente durante o GP da China

O piloto ainda não sabe se guiará o carro do time suíço no próximo final de semana, já que Pascal Wehrlein ainda não está totalmente recuperado

 

Depois de uma corrida segura e muito boa na Austrália, Antonio Giovinazzi não conseguiu repetir o mesmo desempenho durante o final de semana na China. O piloto da Sauber, que substituiu Pascal Wehrlein nas duas primeiras corridas do ano, sofreu com acidentes durante o treino classificatório e a corrida e terminou o domingo com o sentimento de frustração.

Cotado para guiar no GP do Bahrein, que acontece já no próximo final de semana, Giovinazzi quer esquecer seus problemas na China para chegar com mais segurança na etapa seguinte. “Não foram os meus melhores dias. Eu cometi um erro na classificação e na corrida, principalmente quando optei pelos pneus secos.”

“Quero pedir desculpas aos funcionários e à todos que estão na Sauber. Eles fizeram um trabalho fantástico durante a noite para reconstruir o carro. Reforço as desculpas pelos erros que cometi. Quero esquecer o que aconteceu”, desabafou o italiano.

Giovinazzi sofreu um acidente durante o GP da China

Giovinazzi credita seu fraco desempenho na China ao pouco tempo que teve durante os treinos livres. Vale lembrar que as sessões da sexta-feira foram canceladas por conta do clima adverso na pista. Os pilotos não tiveram muito tempo para acertar os carros nos primeiros dias na China.

Além disso, existe a falta de experiência do piloto, que fez apenas a segunda corrida da carreira. ”Eu cometi um erro e preciso aprender com isso.” A intenção do piloto é conquistar mais uma oportunidade e participar do GP do Bahrein. “Minha corrida em Melbourne foi muito melhor do que na China. Espero ter mais uma chance de mostrar o que fiz na Austrália.”