Grosjean sobre Magnussen: “Kevin quase me surpreendeu”

Grosjean

O condutor francês comentou sobre seu relacionamento com seu companheiro de equipe na Haas F1 Team.

 

Romain Grosjean tirou esta quinta-feira (10) para sair elogiando Kevin Magnussen. O condutor francês admitiu que ficou surpreso com performance do seu companheiro de equipe da Haas F1 Team. E que mesmo com ritmo tão próximo, Grosjean destacou a amizade em que possui com Magnussen nos bastidores do time de Kannapolis.

“Eu tenho um bom relacionamento com ele”, afirmou Grosjean em entrevista para a revista britânica ‘Autosport’. “Kevin [Magnussen] quase me surpreendeu”, continuou. “Geralmente os companheiros de equipe vivem em uma guerra. Mas nós dois estamos crescendo. E nós dois nos respeitamos muito”, frisou.

Grosjean (direita) comenta sobre seu relacionamento com Magnussen (esquerda)

“Eu acho que ele é subestimado. Ele é super-rápido. E pode fazer muita coisa dentro do carro. Mesmo se a máquina não estiver subestimado para ele”, disse.

“Eu posso dizer que aprendi com Kimi [Raikkonen] a configurar um carro. Mas com Kevin [Magnussen], a história é outra. Quero vencê-lo a partir dos pontos de referência em que possuo”, complementou.

Grosjean também destacou que o ritmo apresentado por Magnussen tem o ajudado a melhorar seu desempenho dentro da pista. “Eu acho importante que os dois pilotos possam ser bastante rápidos”, respondeu.

“Como você pode ver na Mercedes, temos Valtteri [Bottas] empurrando para Lewis [Hamilton]. É ótimo. Para Lewis, a vida fica difícil, especialmente quando seu companheiro de equipe é rápido o suficiente. E isso mostra que ele tem que ter mais desempenho para acompanha-lo. A mesma coisa acontece na Haas com Kevin. Ele não deixa as coisas fáceis para mim”.