Hamilton desbanca rivais e vence na Bélgica

Piloto inglês soma a sexta vitória na temporada

O piloto inglês apenas passeou no traçado de Spa e se consolidou ainda mais na liderança do campeonato. Rosberg cruzou em segundo e completou a dobradinha da Mercedes. Romain Grosjean foi surpreendente e terminou a prova em terceiro.

 

A pausa que tivemos na categoria em nada afetou o desempenho de Lewis Hamilton na pista. Pelo contrário, deixou o piloto inglês ainda mais afiado, astuto. Principalmente por causa do novo sistema de largada, que exigiu do piloto experiência e uma sensibilidade mais aguçada nos ajustes iniciais do carro.

Piloto inglês soma a sexta vitória na temporada

Piloto inglês soma a sexta vitória na temporada

Com a pole nas mãos, Hamilton superou todos os seus adversários e em momento algum teve seu domínio ameaçado. Ficou apenas admirando as belezas de Spa que surgiam à sua frente. Com tanta superioridade no asfalto belga, a bandeira quadriculada teria mesmo que ser tremulada para Lewis Hamilton na primeira posição.

Na segunda colocação cruzou Nico Rosberg. Como de costume, o germânico não conseguiu fazer a diferença na largada e foi superado, de imediato, por Sérgio Pérez e sua Force India. Só que os motores Mercedes falaram mais alto durante toda a prova e Nico seguiu no P2 até cruzar a linha de chegada.

A surpresa do domingo ficou mesmo com a terceira posição de Romain Grosjean. O piloto da Lotus andou sempre próximo do pelotão da frente e nas voltas finais brigou segundo por segundo com a Ferrari de Vettel pela última vaga no pódio. No final, nessa disputa, venceu quem optou por ser mais cauteloso.

Ruim para a escuderia italiana, que adotou uma estratégia nada convencional de fazer uma única parada, e observou o pódio ir embora no estouro do pneu traseiro direito de Vettel.

Na quarta e na quinta colocação passaram os carros de Kvyat e Sérgio Pérez, respectivamente. Apesar do rendimento abaixo da média da equipe Williams, o brasileiro Felipe Massa fez uma corrida equilibrada dentro das possibilidades fornecidas pelo FW37 e terminou a prova na sexta posição.

Kimi Raikkonen terminou a corrida em Spa em sétimo. Em oitavo cruzou o carro guiado por Verstappen. Valtteri Bottas, que cruzou a linha de chegada na nona posição protagonizou uma das cenas mais fora do contexto nesse domingo. Em sua primeira parada no pit, um dos mecânicos da equipe se confundiu e colocou um composto médio e três macios no carro do finlandês. Fechando o top-10, apareceu a Sauber de Ericsson. Felipe Nasr terminou a prova na 11ª posição.

Com a vitória, Hamilton se aproximou de uma marca do seu ídolo Ayrton Senna. O inglês chegou a 39 vitórias na categoria. Senna e Vettel tem 41 vitórias e estão atrás de Prost (51) e Schumacher (91).

Spa