Hamilton recebe punição e diz que é uma piada

Lewis Hamilton soltou o verbo em entrevista à emissora inglesa “BBC” após saber que ganhou 20s no seu tempo total como punição sofrida por se envolver em acidentes com Felipe Massa e Pastor Maldonado. Ele reclamou por ser a quinta vez em seis corridas em que ele é chamado à atenção e disse que era uma piada e, com ironia, afirmou que seria uma perseguição por ser negro.

“Em seis corridas, eu estive com os comissários cinco vezes. É absolutamente uma piada”, disparou. “Talvez seja porque eu sou preto”, completou.

O campeão de 2008 tirou qualquer culpa de suas costas pelos abandonos do brasileiro e do venezuelano, que saíram após se chocarem com ele. Para o piloto da McLaren, o fato de estar mais rápido lhe dá o direito de passar a qualquer custo.

“Eu estava completamente muito mais rápido do que Massa. Eu fui por dentro, e o cara freou tão cedo e voltou em mim. Então, eu tentei passar por cima da calçada para evitá-lo e ficamos grudados. E, claro, fico com a sanção, que é comum. Ele [Massa] me segurou na classificação, e eu tenho a pena. Virou-se para dentro de mim, e eu recebi a pena”, contou.

Ao explicar o lance com Maldonado, Lewis chamou os adversários de ridículos. “Eu fui por dentro de Maldonado e você pode ver na TV que ele virou muito cedo para parar minha ultrapassagem, e ele bateu em mim. É simplesmente ridículo. Esses pilotos são absolutamente, malditamente, ridículos. Estupidez!”, esbravejou.

O piloto da McLaren disse ainda que não está com a confiança abalada pelo que aconteceu em Mônaco e que vai continuar com seu jeito de pilotagem. “Não está doendo minha confiança como driver. Eu só acho que as pessoas querem ver a minha corrida, querem ver ultrapassagens e [então] você tem feito para tentar ultrapassá-los. Você tem tentado colocar um show. Você tem tentado fazer uma jogada”, disse antes de reforçar que não teve culpa nos acidentes de hoje.

“Se eu realmente sinto que tenho ido muito tarde e acertado alguém, eu vou colocar a minha mão e perceber [que] eu realmente tenho causado um acidente e eu fui o único estúpido, mas não é o caso [de hoje]”, encerrou.

Apesar dos 20 segundos a mais no tempo total, Hamilton não perdeu a seta posição da corrida.