Hamilton termina prova em Monza apenas na 9° posição

Decepcionado por ter ficado preso no Q2, Hamilton chamou a sua condução de "idiota"

O piloto da Mercedes disse que a equipe irá se recuperar na próxima corrida, que vai ser realizada em Cingapura.

 

Terminando o GP da Itália na 9° colocação, Lewis Hamilton viu o sonho de se tornar bicampeão do mundo de Fórmula 1 ficar ainda mais distante. Mesmo tendo se esforçado ao máximo, o inglês reconheceu que teve um dia difícil neste domingo(8). Apesar de sua má posição, ele disse que ainda encontrou um pouco de ação durante a corrida, enquanto lutou com Kimi Raikkonen por posições.

Hamilton termina prova na Itália em 9° lugar

Hamilton termina prova na Itália em 9° lugar

Mesmo não fazendo uma boa prova em Monza, o piloto da Mercedes disse que se esforçou ao máximo para tentar terminar em uma posição melhor e fez um balanço geral de toda a temporada, afirmando que ela vem sendo positiva até o momento.

“Foi um fim de semana difícil para mim, mas essas coisas acontecem. Porém, eu tenho que reconhecer que nós estamos tendo um bom ano até agora. Eu dei o meu melhor na pista hoje, o ritmo do carro estava bom, mas pagamos o preço por não ter tido uma boa qualificação”, disse o piloto.

Por fim, Lewis afirmou que a Mercedes vai chegar muito forte na próxima corrida, que vai acontecer em Cingapura. Para o piloto, a equipe deve compensar o fraco desempenho que teve na Itália, na prova asiática.

“Nós vamos continuar trabalhando juntos com a equipe e tenho certeza de que vamos nos recuperar em Cingapura. Estaremos dando tudo para compensar este final de semana, com uma prova muito forte lá.”