Honda estuda possibilidade de mudar tamanho do seu compressor Turbo

Segundo revista,

Segundo a imprensa italiana, a falta de desempenho do MP4-30 nesta temporada aconteceu por conta das dimensões da peça que é menor se comparado com os do motores da Ferrari, Mercedes e Renault.

 

A Honda está investigando uma possibilidade de aumentar o tamanho do seu compressor Turbo instalado no MP4-30 da McLaren. A informação foi divulgado pela revista italiana ‘Omnicorse’. Segundo a publicação, este dispositivo do motor V6 Turbo nipônico é o menor se comparado com as dimensões das mesmas peças implantadas nas usinas de força da Renault, Mercedes e Ferrari.

Segundo revista,

Segundo revista, McLaren-Honda planeja aumentar o tamanho do seu compressor Turbo

Por conta disto, segundo a revista, o motor V6 Turbo japonês tem apresentado um déficit de 20 km/h na velocidade máxima do MP4-30 da McLaren.

Outro problema relatado pela publicação é o sistema de arrefecimento do motor V6 Turbo do MP4-30. Segundo a revista, a fabricante japonesa estuda na possibilidade de melhorar a refrigeração na unidade de força, especialmente para suportar as altas temperaturas existentes no ERS e no radiador da usina.

Além disso, a revista também destacou que a Honda já possui um novo projeto para a estrutura do seu motor V6 Turbo. A maior mudança da usina de força japonesa é em relação ao ERS. O MGU-K e o MGU-H, que se encontram atualmente em um mesmo local – por detrás do radiador e do compressor Turbo – devem ser separados.

O artigo ainda explicou que, provavelmente, a Honda deve seguir o mesmo desenho técnico do propulsor da Mercedes, ou seja, o MGU-K (KERS) deve ser instalado próximo do radiador, já o MGU-H (ERS) vai ficar ao lado da central do sistema de arrefecimento da usina de força. Todos longe do compressor Turbo.