Horner quer vitória inédita da Red Bull em Cingapura

Christian Horner quer vencer o GP da Cingapura, embora reconheça a dificuldade que terá no circuito de rua Marina Bay

O chefe da Red Bull, Christian Horner, quer que sua equipe vença pela primeira vez o GP de Cingapura. Apesar da empolgação, o dirigente admitiu que será uma tarefa nada fácil, já que o circuito de rua requer um forte desgaste físico devido ao grande número de curvas, diferentemente da pista de Monza, onde a RBR faturou mais 25 pontos com a vitória de Sebastian Vettel.

Horner admite que GP da Cingapura não será fácil

Mesmo vindo com duas vitórias na bagagem nas duas corridas após a pausa de verão, Horner reconheceu o tamanho da dificuldade que o time dos energéticos terá. “É um desafio completamente diferente [ao de Monza]. É a pista mais ondulada e dura do calendário, exigente fisicamente, é quente, que tem mais curvas do que qualquer outro circuito. Então, será um grande desafio”, afirmou.

Lembrando da vitória de Fernando Alonso, da Ferrari, no ano passado, o chefe quer uma vitória inédita na próxima etapa do calendário da F1. “Terminamos em segundo muito próximos de Fernando Alonso no ano passado. É uma corrida que não vencemos e adoraríamos fazer isso”, disse.

Caso a vontade de Christian Horner seja feita com a ajuda de Sebastian Vettel, o atual campeão poderá conquistar seu bicampeonato antecipadamente. Porém, o título só virá se o alemão vencer no circuito de Marina Bay e torcer para que Fernando Alonso, Jenson Button e Mark Webber não cruzem a linha de chegada na segunda colocação.