Lauda diz que a rivalidade entre Hamilton e Rosberg está sobre controle

Para Lauda, a presença de Briatore no grupo que busca melhorias na F1, não acrescentaria muito.

O presidente da Mercedes afirmou que após os pedidos de desculpas, os dois pilotos voltaram a se falar dentro dos bastidores do time de Brackley.

 

Na semana passada, Lewis Hamilton postou uma foto no seu perfil do Twitter e assegurou que a sua relação de amizade com Nico Rosberg tinha voltado ao normal. Confirmando isso, o presidente da Mercedes, Niki Lauda, também declarou que a rivalidade existente entre os dois pilotos está ficando aos poucos mais branda dentro do time de Brackley.

Lauda (foto) assegurou que a rivalidade de Hamilton e Rosberg está sobre controle

Lauda (foto) assegurou que a rivalidade de Hamilton e Rosberg está sobre controle

“Ter dois [pilotos] alfas sentados no melhor carro do campeonato é algo muito complicado. Mas pelo menos isso torna as corridas mais interessantes. Levando em conta a superioridade do nosso carro e dos nossos pilotos, por isso que estamos liderando [a temporada]. Eles estão se falando, mas deixamos claro que separar a equipe não seria um melhor caminho”, declarou Lauda para o jornal britânico ‘Daily Mail’.

Lauda ainda respondeu as declarações de Alain Prost. Segundo o presidente da Mercedes, o time alemão tem os seus pilotos sobre controle.

“Conheço a situação muito bem Sr. Prost. Nós deixamos os nossos pilotos correrem sem nenhuma restrição, porque ao mesmo tempo em que a tensão é grande, nós queremos disponibilizar para eles todo o suporte possível”, respondeu.

Por fim, Lauda confirmou que a Mercedes pretende realizar mais uma reunião com Hamilton e Rosberg durante o final de semana do GP do Canadá. “Não há uma vergonha nisso. Em Montreal, nós vamos nos reunir outra vez e discutir sobre o limite da rivalidade. Depois disso, temos que ter a certeza de que podemos lutar com os dois carros para vencer o campeonato”, finalizou.