Lotus planeja novas atualizações para o E20 no GP da Coreia

Dirigente da escuderia anglo-francesa acredita que Raikkonen poderá vencer a primeira do ano no circuito de Yeongam

Inspirados na vitória de Sebastian Vettel em Marina Bay, onde acenderam a Red Bull Racing (RBR) na briga pelo título do mundial de pilotos da F1, que o diretor de operações da Lotus, Alan Permane, declarou em entrevista para a revista britânica ‘Autosport’, nesta terça-feira (25), que o E20 deverá receber novas atualizações aerodinâmicas para o GP da Coreia, que acontecerá no dia 14 de outubro, no circuito de Yeongam.

Segundo Parmane, o novo pacote de atualizações ajudaria a Raikkonen (A) a conseguir a sua primeira vitória da temporada

Permane também deixou claro que o objetivo do novo pacote aerodinâmico é conseguir dar possibilidades para Kimi Raikkonen vencer a primeira corrida desta temporada. Segundo o dirigente da Lotus, uma vitória do ‘Homem de Gelo’, diminuiria a diferença de 45 pontos e o colocaria na briga direta com o líder do campeonato, Fernando Alonso, da Ferrari.

“Tivemos algumas atualizações aerodinâmicas na sexta-feira passada (21), mas elas não nos convenceram sobre o seu desempenho na pista. Há uma grande atualização que vem na Coreia, uma atualização realmente muito boa, mas planejamos executar esse dispositivo em parte na asa traseira de Raikkonen em Suzuka, para assim conseguir a sua primeira vitória e nos colocamos um passo a frente no mundial”, revelou Permane.

Sobre o mundial de construtores da F1, onde a Lotus está no quarto lugar com 231 pontos, 14 a menos que a terceira colocada, que é a Ferrari – que tem 245 -, Permane acredita que no GP do Japão deverá ser decisivo para a equipe anglo-francesa. Segundo o dirigente do time de Enstone, Romain Grosjean e Kimi Raikkonen devem ter como papel fundamental, a obrigação de pontuar mais do que as escuderias rivais.

“Nós caímos de fora da parte traseira dos três melhores escuderias da F1, mas a nossa meta é terminar a temporada entre esses três. Espero que possamos estar de voltar ao nosso objetivo e brigar pelo topo. Kimi [Raikkonen] e Romain [Grosjean] possuem uma grande obrigação em Suzuka, que é pontuar mais que os nossos rivais”, finalizou.