Lowe analisa desempenho da Williams no último GP da Itália

Lowe

Para o diretor-técnico, o time de Grove melhorou seu ritmo durante a etapa italiana de Fórmula 1.

 

A Williams terminou o GP da Itália, do domingo passado (3), pontuando com seus dois carros. Lance Stroll finalizou a etapa italiana com a sétima colocação. Enquanto que Felipe Massa finalizou em oitavo. Nesta segunda-feira (4), Paddy Lowe analisou como foi o verdadeiro desempenho da escuderia britânica no circuito de Monza.

“Desde a largada, tivemos um dia muito diferente do que foi no sábado. O sol estava brilhando e havia uma grande multidão italiana, então você podia sentir que estávamos construindo uma boa corrida”, frisou.

Lowe analisou desempenho empregado pela Williams no GP da Itália

“Ambos os pilotos começaram com boas largadas, mas, infelizmente, Lance [Stroll] perdeu sua posição para Ocon, e a corrida se estabeleceu a partir daí”, analisou.

“Eu acho que tivemos um ritmo ligeiramente mais forte do que a Force India. Poderíamos potencialmente voltou à frente de Ocon, mas de forma pouco característica, tivemos um pequeno problema com o pitstop da Lance”, descreveu.

“Lance empurrou duro, mas não conseguiu avançar, então no final terminou sétimo com Felipe [Massa] logo atrás dele na pista no oitavo. É um valioso 10 pontos que realmente precisamos nesta fase do campeonato”.