Maldonado: “Nosso maior problema são os motores da Renault”

questiona a capacidade dos motores da RenaultMaldonado acredita em pódio no GP de Mônaco

Ainda segundo o piloto venezuelano, o pacote aerodinâmico da Lotus também tem seus problemas.

 

Último lugar na tabela de classificação, Pastor Maldonado segue com suas lamentações nos boxes da Lotus. Sem somar nenhum ponto, o driver venezuelano resolveu eleger o principal problema de sua equipe. De acordo com o piloto, todos os defeitos estão depositados nos propulsores da Renault.

questiona a capacidade dos motores da Renault

Maldonado acredita em pódio no GP de Mônaco

“Um dos nossos maiores problemas no momento é a falta de potência do motor. Existem grandes diferenças entre os motores. Usamos o mesmo motor que a Red Bull, mas é muito difícil dizer que vamos ter o mesmo turbo V6 que eles”, falou.

Além de questionar a capacidade dos motores franceses, Maldonado também considera o pacote aerodinâmico da Lotus deficiente. Outro ponto bastante criticado pelo driver de Enstone foi sobre a reestruturação na gestão da equipe. Um dos criticados foi James Allison, que deixou a esquadra aurinegra no ano passado.

“Há uma boa estrutura no local. Mesmo as pessoas que deixaram a equipe durante a temporada passada não atendem o sucesso esperado em outro lugar. Então, você sabe o que quero dizer”, disse.

Por fim, o piloto venezuelano afirmou que a esperança continua na fábrica inglesa. “Eu não nego que sofremos, mas a equipe tem uma estrutura muito boa. E não somos a única equipe a ter problemas. Nós apenas temos que manter a calma e continuar nossos esforços. Quando vou para a fábrica, eu vejo todo o trabalho que é feito, o que me dá confiança para o resto da temporada”, pontuou.