Para Hulkenberg, Renault terá dificuldades para pontuar em 2017

E

Piloto destacou evolução da equipe, mas sabe que Mercedes, Ferrari, Red Bull e Williams parecem estar à frente neste momento.

 

Apesar de considerar a equipe mais competitiva do que no ano passado, Nico Hulkenberg acredita que a Renault terá bastante dificuldade para marcar pontos durante a temporada de 2017 da Fórmula 1. Segundo ele, mesmo com a evolução do time, ainda há quatro equipes à frente, o que limita o número de posições “disponíveis” no top 10 durante as corridas.

O desenvolvimento da Renault em 2016 foi bastante comprometido pelo fato da fabricante ter herdado todo o projeto do carro da Lotus. No entanto, o time francês investiu bastante na reestruturação da fábrica de Enstone e planeja melhorar a cada ano.

Hulkenberg vê carro da Renault mais competitivo do que em 2016.

Após ver o desempenho durante os testes de pré-temporada, Nico Hulkenberg admitiu que o carro parece ser mais competitivo. Entretanto, sabe que não será tarefa fácil conseguir pontuar ao longo do ano.

“Acho que a Renault está melhor colocada do que no ano passado”, disse. “A equipe se aproximou do meio da tabela. Mas os pontos serão difíceis, pois acho que quatro equipes estão claramente na frente”, complementou o piloto alemão.

Seu companheiro de equipe, Jolyon Palmer, que está na Renault desde o ano passado, também destacou a evolução do carro, mas admitiu que ainda há muito o que melhorar. “Nós tivemos algumas marcas questionáveis esta semana”, disse. “Hoje conseguimos melhorar algumas coisas e agora temos uma melhor compreensão e um melhor desempenho do carro.”

“Ainda temos potencial para ir mais rápido e ainda temos muito trabalho a fazer no carro. Mas o ano é longo, então espero que possamos melhorar”, finalizou.