Pilotos da McLaren apoiam o cancelamento do teste no Brasil

Alonso, Vandoorne e Norris concordam com a decisão tomada após problemas com a segurança

 

A segurança dos envolvidos é a prioridade, por isso os condutores da escuderia britânica defendem o cancelamento dos testes de pneus que seria realizado nesta semana em conjunto com a Pirelli.

A fornecedora de pneus e a McLaren decidiram cancelar os treinos que aconteceriam nesta terça e quarta-feira, por conta da insegurança vivida durante as atividades do último fim de semana, em Interlagos.

No geral, pelo menos cinco incidentes foram registrados, envolvendo funcionários da: Mercedes, Sauber, Williams, FIA, além da própria Pirelli. Mesmo com todas as vítimas saindo ilesas das ocorrências, Fernando Alonso, Stoffel Vandoorne e Lando Norris não têm dúvidas de que a suspensão foi a decisão correta a se tomar.

Embora apoie a decisão, Lando Norris perde uma ótima oportunidade de mostrar seu potencial ao time.

“É uma pena que o teste da Pirelli tenha sido cancelado, mas, com os eventos que aconteceram nos últimos dias, não havia necessidade de tomar riscos extras”, declarou Vandoorne em suas redes sociais.

Norris foi o mais prejudicado. O piloto júnior luta por mais participação dentro da equipe e faria o primeiro treino da semana. “Obviamente estou chateado com o teste não indo adiante, mas a segurança de todos é a maior prioridade, acima de tudo.”

Mesmo não participando dos testes, o bicampeão mostrou apoio à decisão. “Estou triste em ouvir que nosso teste de pneus não vai acontecer, mas foi uma decisão sábia. Fiquem seguros, e estou enviando meu apoio a todos da Pirelli e da McLaren”, completou Alonso.