Pirelli se reuniu com pilotos para ouvir críticas sobre pneus duros

Pirelli

Segundo Mario Isola, o feedback negativo dos condutores foi o fator que fez a fornecedora de pneumáticos mudar seu cronograma e somente disponibilizar os compostos PZERO Laranja para GP do Japão.

 

Na semana passada, a Pirelli decidiu mudar seu cronograma e confirmou que os pneus duros (PZERO Laranja) devem estar disponíveis somente para o GP do Japão, corrida esta agendada para acontecer em 8 de outubro, no circuito de Suzuka. Nesta segunda-feira (15), Mario Isola revelou que esta decisão foi tomada após reunião com os pilotos do grid atual da Fórmula 1. Eles fizeram tantas críticas, que a fornecedora de Milão optou por modificar seu programa.

“Há uma sensação sobre que podemos modificar o uso do pneu duro para alguns circuitos nesta temporada”, afirmou Isola em entrevista concedida para a revista britânica ‘Autosport’. “Nós nos reunimos e analisamos algumas possibilidades”, continuou.

Pirelli se reuniu com pilotos para determinar cronograma com pneu duro para resto do campeonato

“Por exemplo, em Silverstone [GP da Inglaterra], a escolha será livre. Nesse caso, podemos aconselhar os compostos supemacios, macios e médios. Mas cabe às equipes a fazer a melhor escolha para este fim de semana”, explicou. “Acredito que se fomos nesta direção, vamos ter mais pit-stops no GP da Inglaterra”, complementou.

Isola também revelou o desejo dos pilotos, que na sua maioria, desejam somente a distribuição padrão de pneumáticos médio (PZERO Branco), macio (PZERO Amarelo) e supermacio (PZERO Vermelho) nos fins de semana de GPs velozes, como por exemplo, Bélgica, Malásia, Japão e Brasil.

“Os regulamentos nos permitem selecionar três tipos de compostos diferentes por corrida”, frisou. “No momento da seleção dos pneumáticos para GP da Inglaterra, decidimos colocar os jogos de compostos duro, médio e macio”, revelou.

“Mas os pilotos possuem uma opinião diferente. Eles não queremos o pneu duro para o circuito de Silverstone. E acatamos o seu pedido. No entanto, eles querem a configuração de compostos médio, macio e supermacio para outras pistas de alta degradação nesta temporada. Entre elas, Spa[-Francorchamps], Sepang, Suzuka e Interlagos. Estamos analisando a proposta, mas com certeza teremos [pneu] duro no Japão”.