Symonds diz que Red Bull e McLaren podem surpreender no GP de Cingapura

`S

O ex-diretor-técnico da Williams afirmou que a maior dificuldade na configuração dos carros deve-se por conta dos freios no circuito de Marina Bay.

 

A McLaren-Honda e a Red Bull Racing (RBR) podem surpreender no GP de Cingapura. Essa foi a opinião apresentada por Pat Symonds nesta quarta-feira (13). O ex-diretor-técnico da Williams afirmou que as curvas sinuosas devem ajudar no desempenho dos carros taurino e nipo-britânico na corrida agendada para acontecer no próximo domingo (17), no circuito de Marina Bay.

“Eu acho que os carros da Red Bull e da McLaren devem ser muito fortes no GP de Cingapura”, argumentou Symonds em entrevista para o site oficial da F1.

Symonds diz que freios devem ser levados ao máximo no GP de Cingapura

“A McLaren deve ser eficazes nas curvas. Acho que pilotos como Fernando Alonso, Daniel Ricciardo ou Max Verstappen podem ter condições de brigar pelo pódio. Então, acho que iremos vê-los fortes desde a qualificação”, complementou.

Ainda sobre o GP de Cingapura, Symonds destacou que o maior stress na configuração será relacionado com o sistema de freios. “Essa é uma área que pode levar a grandes problemas, especialmente no último setor”, respondeu.

“A carga sobre os freios será muito alta. Mesmo com o reforço na refrigeração, a pista apresenta uma travagem muito séria. A velocidade não é alta, mas sim ocorre uma série de travões, que aumentam a tensão nos freios”, explicou. “Além disso, devemos ter reforço nas suspensões por conta do contato com a parede no último setor”.