Van der Garde afirma que poderia ter continuado na Caterham

Van der Garde será piloto reservas da Sauber nessa temporada, com esperança de ganhar um assento na equipe em 2015.

Giedo van der Garde disse que poderia permanecer na Caterham dando um suporte na temporada de 2014 da Fórmula 1, se ela realmente quisesse.

 

A equipe malaia anunciou na última terça-feira a assinatura dos contratos de Kamui Kobayashi e Marcus Ericsson, com Frijns e Alexander Rossi como pilotos reservas. O anúncio da Caterham, acabou com qualquer esperança dos pilotos Van der Garde e Charles Pic, que formaram o line-up da escuderia em 2013.

 

Van der Garde será piloto reservas da Sauber nessa temporada, com esperança de ganhar um assento na equipe em 2015.

Van der Garde será piloto reservas da Sauber nessa temporada.

Van der Garde, em entrevista ao site GPUpdate.net, contou que preferiu assumir o posto de piloto reservas da Sauber, onde ele considera que, mesmo dando uma passo atrás em sua carreira, terá melhores perspectivas para o futuro. ” Às vezes, você tem que ser mais rápido. Eu poderia assinar um novo contrato com a Caterham, mas não fiz porque a Sauber oferece melhores perspectivas. Certamente estou dando um passo para trás, mas o meu futuro parece muito mais promissor na Sauber. É uma equipe que ainda está lutando por pontos e ainda consegue projetar um carro decente”, afirmou.

O piloto, agora na Sauber, não esconde sua ambição de conquistar um assento na formação suíça para 2015. ” Não vai ser fácil ficar apenas assistindo os outros pilotos participando dos GPs deste ano, mas a meta é voltar em 2015 como piloto titular na equipe Sauber “, declarou.