Vettel nega que assoalho da RBR causa desvantagem nas rivais

Depois do consultor da Red Bull, foi a vez de Sebastian Vettel defender a inovação da equipe

Mesmo depois de ser proibido pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA), o assoalho criado pela Red Bull ainda vem repercutindo nos bastidores da F1. Nesta quarta-feira (6), foi a vez do piloto Sebastian Vettel comentar a inovação da sua equipe. De acordo com o bicampeão, a peça não favorecia a RBR e nem apresentava razões para ser banida pela entidade do automobilismo.

Vettel defendeu o uso do novo assoalho criado pela Red Bull

“Ele é o que é”, disse Vettel, em entrevista ao jornal alemão ‘Bild’, seguindo o mesmo pensamento do consultor Helmut Marko, que já havia defendido o uso do artifício anteriormente. “Não sinto que ele gera uma grande desvantagem”, acrescentou o atual bicampeão mundial.

Ciente da proibição do assoalho para a próxima etapa, no GP do Canadá, Sebastian Vettel se mostrou tranquilo e confiante no trabalho da Red Bull. “Nós estamos nos desenvolvendo rapidamente e, então, em Montreal, como sempre, vamos usar um novo pacote aerodinâmico”, disse.

O GP do Canadá está marcado para o próximo domingo (10), às 15h (horário de  Brasília). O treino classificatório acontece no sábado (9), às 14h (Brasília).