Vettel revela desejo antigo de correr pela Ferrari

Vettel pediu conselho a gerente de Schumacher antes de fechar com a Ferrari

O piloto alemão teria sido abordado diversas vezes pelos dirigentes da equipe italiana.

 

O desejo de defender as cores da Ferrari permeia qualquer piloto da principal categoria do automobilismo. E não foi diferente com Sebastian Vettel, que admitiu nesta quinta-feira (5), que seu desejo de correr pela Ferrari era antigo.

Vettel pediu conselho a gerente de Schumacher antes de fechar com a Ferrari

Vettel pediu conselho a gerente de Schumacher antes de fechar com a Ferrari

Esse desejo já vem sendo maturado há três anos. Ainda segundo o piloto alemão, ele teria sido abordado, informalmente, por Stefano Domenicali em meados de 2008 e 2010.

“No inverno de 2012-2013, visitei em segredo a sede de Maranello para falar com Montezemolo”, disse. “No ano passado, Domenicali tinha ido embora da Ferrari, mas os contatos continuaram com Marco Mattiacci e novamente tivemos uma reunião com Montezemolo”, comentou Seb a Gazzetta dello Sport.

Vettel também revelou que o gerente de Michael Schumacher – Sabine Kehm – teria tido um papel importante em sua decisão de deixar a Red Bull. “Durante nossas discussões, me ofereceram um contrato e eu pedi a opinião de Sabine Kehm, empresário de Michael, uma vez que eu infelizmente não podia falar com Michael”, pontuou.