Frédéric Vasseur deixa comando da Renault depois de uma temporada

Vasseur deixa comando da Renault

O anunciou aconteceu na manhã desta quarta-feira. Ainda não foi informado quem vai substituir o ex-funcionário

 

Depois de apenas uma temporada no comando da Renault, Frédéric Vasseur anunciou sua saída da escuderia francesa. Na manhã desta quarta-feira, através de um comunicado oficial, o ex-chefe de equipe revelou houve um acordo e os dois lados decidiram que era melhor ele se afastar do time.

O ex-funcionário da Renault foi contratado para ser diretor técnico da equipe, mas, ao longo da temporada, foi alçado ao cargo de chefão, já que o então chefe, Cyril Abiteboul, foi convidado para trabalhar nos bastidores do time francês.

As duas partes estão empenhadas em manter uma boa relação e não descartaram criar um novo vínculo no futuro. “Depois de uma primeira temporada relançando e reconstruindo a equipe da F1, a Renault e Frédéric Vasseur concordaram em separar seus caminhos daqui para frente.”

Vasseur deixa comando da Renault

Vasseur deixa comando da Renault

“As duas partes permanecem empenhadas em manter uma boa relação e esperam que isso tome uma nova forma em algum momento no futuro. Que os dois lados tenham sucesso”, continuou o comunicado.

Apesar da saída do chefe de equipe, o objetivo da Renault continua o mesmo. A escuderia também continuará sendo administrada por Jerome Stoll e terá Cyril Abiteboul como diretor geral.