Vettel diz que não sente pressão por vitórias por parte da Ferrari neste campeonato

Vettel diz que não se sente pressionado por resultados dentro da Ferrari

O condutor alemão elogiou a atmosfera existente no time de Maranello. E ainda afirmou que a sua mais bela vitória na F1 ainda está por acontecer.

 

A pressão por resultados não é algo que está afetando Sebastian Vettel nos bastidores da Ferrari. Nesta quinta-feira (20), o atual líder do Mundial de Pilotos da temporada de 2017 de Fórmula 1 – com 68 pontos, sete a menos do que Lewis Hamilton que é o segundo na tabela – afirmou que não se sente cobrado por mais vitórias no time de Maranello. Seb elogiou a atmosfera existente na equipe italiana. E ainda afirmou que sua melhor corrida ganha ainda está por acontecer.

“Toda essa pressão é basicamente o amor em que todos possuem pela equipe”, afirmou Vettel em entrevista para a revista britânica ‘Motorsport’. “E isso não é um fardo e nem uma responsabilidade”, continuou.

Vettel diz que não se sente pressionado por resultados dentro da Ferrari nesta temporada

“Eu entendo os fãs em momentos como este. Todos querem ver a Ferrari forte para vê-la vencer campeonatos. Neste ano, tivemos resultados excelentes. Mas é como no futebol, se vencemos a nossa torcida ficará feliz. Se perdemos isso vai gerar sentimentos contrários”, explicou.

“É melhor ganhar em Melbourne ou na corrida do último domingo? Eu diria definitivamente que a mais bela vitória ainda está para acontecer”, complementou.

Vettel também comentou sobre suas perspectivas para o GP da Rússia, corrida esta agendada para acontecer no dia 30 de abril, no circuito de Sochi. “Eu diria que tenho bons sentimentos para esta corrida”, respondeu.

“Mesmo se possamos passar por alguns percalços assim como ocorreu nos testes do Bahrein, acho que podemos melhores resultados. Em Sakhir, tivemos problemas por conta da ação do vento. Ele interferiu bastante na aerodinâmica do carro. Em Sochi, eu não acho que terei esse problema. Queria ter passado mais tempo no carro nessa semana. Quem sabe ter tido um dia de gravações”.